Plano de Sucessão Organizacional


O processo de Plano de Sucessão Organizacional é delicado quando a Organização  decide proceder às mudanças, pois  não possuem em seus quadros, profissionais preparados para este momento, especialmente aqueles que exercem postos de liderança e altos cargos executivos, em todas as áreas.

 

Objetivos

 

Desenvolver um plano de ação para a transição de comando, visando decidir quais áreas estratégicas serão consideradas e que deverão ser ocupadas por meio de um programa de desenvolvimento das competências das lideranças com candidatos internos a sucessão vertical e horizontal, bem como seu Plano de T&D Estratégico.

 

Traduzir sistemicamente os objetivos da alta direção sucessória, clarificar os motivos e traduzir os anseios dos sócios fundadores no tocante a desenhar visão de futuro no curto, médio e longo prazo.

 

De forma a garantir o sucesso de continuidade dos negócios, sem prejuízos e riscos, e assegurar a sustentabilidade da Empresa junto aos seus colaboradores, mercado e seus stakeholders. A transparência e divulgação do processo de transição garantirão sob medida, os resultados previstos e elaborados.

 

Escopo do Processo

  • Diagnóstico das necessidades
  • Identificar as competências Técnicas para o mapeamento
  • Diagnosticar as Competências técnicas e comportamentais *
  • Elaborar sistema de mapeamento das vagas identificadas
  • Elaborar junto com a área de RH/T&D os programas estratégicos Gerencial e da liderança por competências
  • Elaborar e implementar os programas de retenção de talentos
  • Participar junto ao planejamento do badget de T&D
  • Treinar as lideranças para junto com RH  implementarem  os processos com o  menor perturbação e desgaste possível
  • Entre outros.

Elaboração do Cronograma e Suas Fases do Plano de Sucessão Organizacional

 

A Razão Humana Consultoria por meio de sua equipe de consultores apresentará sua metodologia de trabalho. Trata-se de um projeto personalizado para o Plano de Sucessão Organizacional, que contêm várias fases de um processo sucessório em organizações, considerando as  práticas de governança.

 

Ressaltamos que cada projeto de sucessão possuiu características próprias e que serão consideradas durante a elaboração do mesmo.

 

Conheça uma das fases que é o

 

*ASSESSMENT –RAZÃO HUMANA

 

Assessment está ligado diretamente ao gerenciamento do capital humano. Ele pretende unir as competências comportamentais e/ou técnicas para o desenvolvimento do profissional e a adequação de seu perfil junto à organização. 

 

Constitui uma avaliação precisa para identificação de perfil comportamental de pessoas. É um instrumento valioso que permite ao colaborador o autoconhecimento e a reflexão sobre seu estilo de ser e agir, analisando a projeção de sua postura dentro e fora do ambiente profissional.

 

Os resultados obtidos por essa ferramenta são mensuráveis e reúnem informações imprescindíveis para a criação de um banco de talentos interno por meio da análise de conhecimentos, habilidades, atitudes e potencialidade de desempenho de todos os colaboradores.

 

O processo consiste avaliar criteriosamente um ou mais colaboradores, a partir das competências corporativas e das competências da posição a ser ocupada, seja numa movimentação horizontal ou vertical, seja para traçar um plano de desenvolvimento individual ou de sucessão.